Entenda o significado da palavra “círculo” no Hebraico

ḤET, VAV E GUÍMEL

A morfologia hebraica é baseada em raízes verbais trilíteras, em que as 22 consoantes da língua se organizam entre si em grupos de três com inúmeras combinações para servirem de base para a formação de palavras derivadas, variando a vocalização e/ou adicionando afixos.

Assim, as três letras hebraicas – ח (ḥet), ו (vav) e ג (guímel) – unidas, חוג (ḥwg) formam uma raíz que significa “fazer um movimento em forma de círculo”, “traçar uma circunferência”, “determinar um limite circular”, “circunscrever”, “circular”, etc. As raízes são todas verbais, e seu significado é refletido nas diversas palavras que as mesmas originam.

A raíz חוג (ḥwg) é considerada um “verbo fraco”. Pois uma de suas consoantes, ו (vav), é vocálica e, por isso, sujeita a alteração, como ocorre na terceira pessoa do singular do perfeito: חָג (ḥaɡ), Jó 26:10, “ele fez um círculo”. Entende-se por “perfeito” no hebraico o aspecto verbal que expressa uma ação finalizada, traduzida geralmente no tempo pretérito.

Além de Jó 26:10, a raíz חוג (ḥwg) é mencionada em Jó 22:14, Provérbios 8:27, Isaías 40:22 e Isaías 44:13. Cinco ocorrências bíblicas que serão analisadas a seguir:

Jó 26:10 – חָג (ḥaɡ), verbo, terceira pessoa do singular do perfeito. “Ele circulou”

Deus “circunscreveu” sobre as águas, ou seja, estabeleceu uma fronteira ou limite circular sobre águas, isto é, sobre o oceano primordial. O verbo חָג (ḥaɡ) tem como o objeto o substantivo חֹק (ḥoq), “limite”, “fronteira”, “demarcação”.

Provérbios 8:27 – חוּג (ḥug), substantivo masculino. “Circunferência”

Deus traçou uma “circunferência” sobre o abismo, ou seja, formou o horizonte da terra sobre as águas do oceano que rodeia o mundo. A ideia é a mesma de Jó 26:10, mas aqui o substantivo חוּג (ḥug) com o sentido de “círculo” ou “circunferência” é o objeto do verbo חָקַק (ḥaqaq), “traçar”, “demarcar”, “delimitar”, mesma raíz de חֹק (ḥoq), “limite”.

Isaías 40:22 – חוּג (ḥug), substantivo masculino. “Círculo”, “disco”, “horizonte”.

Deus está assentado sobre o “círculo” ou “disco” da terra, o horizonte da terra que serve de trono para Deus. O termo חוּג (ḥug) associado a אֶרֶץ (éretz), “terra”, expressa de forma clara seu formato plano, circular e delimitado; o horizonte, não apenas aparente, mas real e fixo estabelecido pelo Criador.

Jó 22:14 – חוּג (ḥug), substantivo masculino. “Circuito”, “abóbada”, “cúpula”, “domo”.

Deus percorre o “circuito” do céu. Aqui חוּג (ḥug) está associado a שָׁמַיִם (shamáyim), “céu”, referindo à forma circular do firmamento que cobre a terra. O versículo faz parte da fala de Elifaz que atribui a Jó a ideia de que Deus não pode enxergar do alto as injustiças do mundo através de nuvens espessas, enquanto passeia pelo domo celeste.

Isaías 44:13 – מְחוּגָה (meḥuɡah), substantivo feminino. “Instrumento para fazer círculos”, “compasso”.

O artífice desenhou com o “compasso”. חוּג (ḥug) com o prefixo instrumental -מְ (mᵉ) e o sufixo de gênero feminino הַ- (-ah) originou o substantivo מְחוּגָה (meḥuɡah), “instrumento para fazer círculos”.

Analisei brevemente as ocorrências da raíz חוג (ḥwg) no hebraico bíblico ou hebraico clássico. Agora citarei algumas ocorrências de palavras derivadas de חוג (ḥwg) no hebraico moderno com expressões importantes, levando em consideração que a formação do hebraico moderno tem como base essencial o hebraico bíblico. E observar o emprego da raíz חוג (ḥwg) no hebraico moderno em comparação com o bíblico certamente nos dará uma maior visão de seu significado, livrando-nos definitivamente de equívocos como aquele de pensar que חוּג (ḥug) possa também ser usado para se referir à figura geométrica tridimensional que conhecemos como “esfera”, “globo” ou “bola”, que em hebraico é כַּדּוּר (kadur).

HEBRAICO MODERNO

ḤUG – חוּג – “círculo”, “círculo social”, “clube”, “círculo de latitude”, “paralelo”

ḤUG HA-MISHPAḤAH – חוּג הַמִּשְׁפָּחָה – “círculo da família”

ḤUG HA-GEDI – חוּג הַגְּדִי – “Trópico de Capricórnio” (lit. “círculo do cabrito”)

ḤUG HA-SARTAN – חוּג הַסַּרְטָן – “Trópico de Câncer” (lit. “círculo do caranguejo”)

HA-ḤUG HA-ARKTI – הַחוּג הָאַרְקְטִי – “Círculo Ártico”

HA-ḤUG HA-ANTARKTI – הַחוּג הָאַנְטְאַרְקְטִי – “Círculo Antártico”

ḤIGAH – חִיגָה – “voo em círculo”

ḤOGEG – חוֹגֵג – “medir (um círculo) com compasso”

MAḤOG – מָחוֹג – “ponteiro do relógio”

MEḤUGAH – מְחוּגָה – “compasso”

______________________________________

KLEIN, Ernest. A Comprehensive Etymological Dictionary of the Hebrew Language for Readers of English. Carta Jerusalem: The University of Haifa, 1987.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *