Nota 7 para professor de História que falou sobre a Bíblia e a Terra plana

Perdeu pontos por dizer que os livros da Bíblia refletem o pensamento babilônico do século quarto antes de Cristo e por tentar colocar o pensamento grego e científico acima da verdade bíblica, referindo-se aos que creem na literalidade do texto bíblico como “fundamentalistas”. Contudo, saiu-se melhor que supostos teólogos como Michelson Borges que tentam negar a primitiva cosmologia hebraica da terra plana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *